Residencia

II Convocatoria de la OCA: Residencia Artística Internacional 2018

DESCRIPCION OEI ESPAÑOL . 03/08/2018
Tamaño del texto + -

OEI e UnB lançam edital de residência para artistas da América Latina e Caribe

OEI. 19/07/2018
Tamanho do texto+-
 

A Casa da Cultura da América Latina da Universidade de Brasília (CAL/UnB) e a Organização dos Estados Ibero-americanos (OEI) lançaram nesta quinta-feira, 19, chamada pública para o Programa de Residência Artística Internacional (OCA). A iniciativa cultural e educativa vai reunir, no Brasil, artistas da América Latina e Caribe para promover troca de experiência e trabalho conjunto por um mês em intervenções artísticas que repensem o espaço urbano. A medida visa promover a interação das cidades da região a partir das artes. As inscrições estão abertas até o dia 19 de agosto.

O acordo da parceria foi assinado hoje pelo reitor em exercício da UnB, Enrique Huelva, e o diretor da OEI no Brasil, Raphael Callou. “A residência artística é uma iniciativa multidisciplinar que desperta a atenção da OEI por fortalecer o conhecimento, a compreensão mútua, a integração e a paz entre os povos ibero-americanos por meio da educação e da cultura”, afirma Callou.

O tema de 2018 é “Experiência e cidade na América Latina”, voltado para as diferentes linguagens das artes para repensar e debater espaços urbanos. "A residência artística promove a reflexão estética sobre questões que nos inquietam no dia a dia nas cidades. É fundamental que seja feita dessa forma, uma interação direta e aberta", destaca Enrique Huelva.

A residência artística acolhe as diversas expressões que trabalham com propostas nessa linha. "Com o OCA, a gente encontrou um caminho que vai além do espaço de criação, produção e exibição das artes. Promove um intercâmbio e debate no âmbito da sustentabilidade com as cidades latino-americanas", destaca o diretor da CAL, Alex Calheiros. 

De 24 de setembro a 24 de outubro, os selecionados se encontrarão todos os dias na CAL/UnB, em Brasília, para trabalhar juntos.  O grupo será acompanhado por curadores, visitará edifícios da capital federal, além de interagir com cidades no entorno de Brasília.

Por ser arquitetonicamente planejada, Brasília retrata em seus traços um projeto urbano que busca materializar a arte e também uma visão de futuro – algo que se soma à produção de intervenções com reflexão sobre o tema da OCA.

A participação na residência artística é individual, aberta a pessoas com 18 anos de idade ou mais. Os critérios de seleção levam em conta o alinhamento da trajetória artística dos proponentes ao tema da convocatória.

A residência artística da CAL/UnB e OEI diferencia-se de outras experiências nessa área por acontecer dentro da universidade, um espaço de interação e discussão das artes.

 

 

Recursos internos